18 janeiro, 2007

Vencedores do PDC - Rodrigo Mathias

Bem, realmente é muito complicado e dificil premiar as categorias de filmes tão bons quanto os que indiquei. Realmente, de vez em quando, a gente acha uma coisa muito boa e quando revemos, não era aquela coisa. Eu sempre tenho a preocupação do equivoco, premiar algum filme e não gostar depois. Por isso deixarei bem claro que os premiados que serão divulgados agora foram, sim, os melhores de cada categoria em minha opinião. Não espero cometer injustiças, mas se ver que cometi, justificarei durante a longa vida desse blog (espero ao menos). Começarei com os vencedores das partes técnicas , depois iremos à parte de atuações e logo em seguida as principais.Então vamos aos vencedores:

Melhor Fotografia


Emmanuel Lubezki por Filhos da Esperança

A categoria de fotografia é uma das que mais gosto de avaliar, uma das partes técnicas de um filme que eu faço questão de avaliar, seja qualquer o filme. Sempre fui muito fã do trabalho de Lubezki (vide O Novo Mundo, Desventuras em Série, A Lenda do cavaleiro sem cabeça) e com isso dou a primeira premiação para ele em seu soberbo trabalho pela Filhos da Esperança. A dúvida foi muito grande entre premiar ao espetáculo visual estabelecido por Dion Beebe pelo Memórias de uma Gueisha e ao trabalho dificilimo de Filhos da Esperança. Eu acho que Filhos da Esperança, por contar com uma ótica realmente boa acaba impressionando com sua perfeição de detalhes ao contrário de Memórias que possuia uma quimica de fazer até a tela brilhar. Merecidamente Lubezki cria um universo magnífico e com certeza faz o melhor trabalho dos filmes que eu já vi dele.

Os outros indicados foram (em ordem de preferência) : Memórias de uma Gueisha, Boa Noite e Boa Sorte, O Segredo de Brokeback Mountain e O Labirinto do Fauno.

Melhor Edição

Thelma Schoonmaker por Os Infiltrados

A cada trabalho que a veterena Thelma faz, ficamos estupefatos, sem saber ao menos o que falar de uma categoria imprescendível num filme. Thelma fez um trabalho estupendo em O Aviador e repete sua qualidade com a edição magnífica para Os Infiltrados. Essa edição é diferente das outras que foram indicados, seu modo é diferente, inovador e quase acaba perdendo o prêmio para os três editores que fizeram um ótimo trabalho em Vôo United 93.

Os outros indicados foram (em ordem de preferência) : Vôo United 93, O Jardineiro Fiel, Munique e Filhos da Esperança.

Melhor Efeitos Visuais

Piratas do Caribe: O Baú da Morte

Quem diria que esse filme se tornaria uma das maiores bilheterias de todos os tempos? Acredito que ninguém. O filme veio embalado de efeitos atrás de efeitos. CGI completo, criaturas criadas por computador que seriam basicamente impossiveis sem uma tecnologia bem avançada. Realmente, não tem ninguém que não ache os efeitos desse filme magnificos. Agora, vocês devem estar se perguntando se o Filhos da Esperança tem efeitos... Tem, e realmente, os poucos que tem nos fazem acreditar que nem é efeito, merecia figurar entre os três no oscar só por uma cena.

Os outros indicados foram (em ordem de preferência) : Superman - O Retorno, Filhos da Esperança, X-Men: O Confronto Final e Eragon.

Melhor Maquiagem

O Labirinto do Fauno

Realmente, quem diria que um filme mexicano poderia contribuir com uma das melhores maquiagens já feitas para o cinema? Pois é, a maquiagem do O Labirinto do Fauno é primorosa, contendo a criação de animas e "monstros" até sangue e cortes. Magnifica, única palavra.

Os outros indicados foram (em ordem de preferência) : Piratas do Caribe: O Baú da Morte, X-Men: O Confronto Final, Marcas da Violência e Munique.

Melhor Direção de Arte

Memórias de Uma Gueixa

Resolvemos englobar nessa categoria os figurinos com a direção de arte, e avaliarmos tudo como um só. Realmente, a direção de arte de Memórias de uma Gueisha é perfeita, conseguindo reconstruir um japão da época das Gueishas. Um ótimo trabalho.

Os outros indicados foram (em ordem de preferência) : O Labirinto do Fauno, Piratas do Caribe: O Baú da Morte, A Fonte da Vida e Filhos da Esperança.

Melhor Canção

Devotchka - "Til The End Of Time" (Pequena Miss Sunshine)

Sem dúvidas acho que essa música é muito bonita e consegue nos transmitir o clima do filme. Isso já é um ponto positivo. Além de ter uma ótima letra, a melodia é muito boa, seguindo o mesmo ritmo da trilha composta durante o filme. Se não fosse por ela, teriamos um candidato a força como a belissima musica "You Know my Name".

Os outros indicados foram (em ordem de preferência) : 007 : Cassino Royale (You Know my Name) Crash (In the Deep), Volver (Volver) e Os Infiltrados (I'm Shipping up to Boston).

Melhor Trilha Sonora

Hans Zimmer - O Código Da Vinci

A categoria que talvez crie a maior controvérsia da noite. Realmente, acredito que a trilha de Hans foi a melhor do ano. Eu ainda não consegui aguentar a vitória do Brokeback, por isso nem indiquei. Sim, concordo que a música "The Wings" seja marcante e bonita, mas eu não avalio uma trilha apenas por uma música e sim pelo todo, e nesse caso, Santaolalla você terá que fazer uma reverência ao Hans, uma reverência com a música "Chevaliers de Sangreal" de fundo.

Melhor Filme de Animação: A Noiva Cadáver

Pior Filme: A Pantera Cor-de-Rosa

Categorias especiais:

Melhor Vilão: Sergi López como Vidal - O Labirinto do Fauno

Melhor Cena de Ação: Fuga de Carro - Filhos da esperança

Final mais Surpreendente: Match Point

Mais gostosa: Scarlett Johansson - Match Point

Categorias principais:

Melhor Roteiro Original

Pequena Miss Sunshine (Little Miss Sunshine)

Uma proeza. O grande mérito desse filme, é sua originalidade. Imaginamos o que seria o fim do filme, e o filme nos dá um final engraçado, inteligente e ainda melhor, realista e atual.

Melhor Roteiro Adaptado

Filhos da Esperança

Contém um dos melhores roteiros já feitos. Sem dúvidas, um dos mais inteligentes também. Responde a todas as questões do filme e nos prepara para o futuro. Ele tem incluido três vezes em diferentes situações as palavras "Shantih shantih shantih". Que não significa nada mais, nada menos do que "paz" e uma súplica pela paz.

Melhor Ator

Philip Seymour Hoffman por Capote

Para muita gente a voz que Hoffman faz pode soar irritante, os seus trejeitos com as mãos e o seu jeito de ser. Mas quem compará-lo ao verdadeiro Truman Capote, não irá se decepcinar. Hoffman criou um personagem dificil, deveria ter muito trabalho para poder imita-lo e não parecer sem naturalidade. E o fez, literalmente encarnou Capote.

Melhor Atriz

Meryl Streep - O Diabo Veste Prada

Tudo o que tenho a dizer sobre ela se resume em uma única palavra: FENOMENAL.

Melhor Ator e Atriz Coadjuvantes

Abigail Breslin por Pequena Miss Sunshine

Jack Nicholson por Os Infiltrados

A garota dá a vida ao filme, é o coração da história e Jack faz mais um de seus papéis iniguláveis.

Melhor Elenco: Os Infiltrados

Melhor Direção

Martin Scorsese - Os Infiltrados

Scorsese faz um de seus melhores filmes com uma magnifica direção. Apenas uma coisa a se falar: "SE NÃO FOR AGORA NO OSCAR, DÊ AO MARTIN UM HONORÁRIO". Simplesmente FODA!

Melhor Filme

FILHOS DA ESPERANÇA

Não tenho nem palavras para descrever a beleza desse filme. Lindo, sensível, emotivo, violento, realista. Simplesmente o melhor filme do ano!

Ai estão os vencedores do PDC. Não percam o do meu amigo Léo daqui a dois dias!

Até a próxima.

Links to this post:

Criar um link

<< Home