10 janeiro, 2009

PDC 2009 - Leonardo Pereira

2008 passou e com ele ficou para trás um ano recheado de bons filmes. Mais uma vez a equipe integrante desse blog tem o prazer de divulgar os vencedores do Prêmio Diário dos Cinéfilos. Como acontece todo ano, o prêmio é divulgado em duas etapas: primeiro os vencedores de quem vos escreve e após exata uma semana, os vencedores do Rodrigo. Temos a satisfação de divulgar os vencedores de 22 categorias divididos em três seções: Categorias Especiais, Categorias Técnicas e Categorias Principais. Lembrando que o Prêmio leva em consideração os filmes que foram lançados no Brasil no período de 01 de Janeiro até 31 de Dezembro de 2008. Agora sem mais delongas, vamos os vencedores. Começando da melhor maneira possível.

CATEGORIAS ESPECIAIS

Mais Gostosa

Selma Blair - Hellboy II: O Exército Dourado

2º Scarlett Johansson - Vicky Cristina Barcelona

3º Angelina Jolie - O Procurado

4º Natalie Martinez - Corrida Mortal

5º Charlize Theron - Hancock

Sempre achei a Selma Blair uma das atriz mais lindas de Hollywood, e me perguntava quando ela teria a oportunidade de dar o ar de sua graça nesse prêmio. Quando assisti Hellboy II no cinema, tinha certeza não só que ela seria indicada, mas também a vencedora. Com seu poder do fogo, ela deixou o filme ainda mais quente. Me permitam o trocadilho.

Melhor Vilão

Javier Bardem como Anton Chigurh - Onde Os Fracos Não Têm Vez

2º Heath Ledger como Coringa - O Cavaleiro das Trevas

3º Jeff Bridges como O Monge de Ferro - Homem de Ferro

4º Aaron Eckhart como Duas-Caras - O Cavaleiro das Trevas

5º Joan Allen como Hennessey - Corrida Mortal

O PDC mais que merecido para Javier Bardem, veio pela incorporação e construção detalhada do seu personagem. Um homem frio que decide o destino das suas vítimas em um cara ou coroa. Ninguém vai esquecer do seu horripilante "Call it".

Melhor Cena

Explosão do Poço de Petróleo - Sangue Negro

2º Eva tentando concertar Wall-E - Wall-E

3º Perseguição subterrânea do Coringa a Harvey Dent - O Cavaleiro das Trevas

4º Briony presenciando a prisão de Robbie - Desejo e Reparação

5º Laura e a contagem com os fantasmas - O Orfanato

Essa cena de Sangue Negro chega a ser poética. Todo um trabalho especial foi feito em cima dela. Edição, Sonoplastia, Fotografia, Música, todos esses aspectos juntos, constroem a cena mais hipnotizante do cinema em 2008.

Final Mais Surpeendente

Desejo e Reparação

2º Sete Vidas

3º Antes Que o Diabo Saiba Que Você Está Morto

Creio que a maioria dos leitores desse blog já deve ter visto esse filme, mas não estragarei a surpresa do que não viram. A única coisa que poderei falar é que o final revelador deixa todo mundo paralisado, pois desconstrói boa parte do filme.

CATEGORIAS TÉCNICAS

Melhor Fotografia

Roger Deakins - Onde os Fracos Não Têm Vez

2º Robert Elswit - Sangue Negro

3º Wally Pfister - O Cavaleiro das Trevas

4º César Charlone - Ensaio Sobre a Cegueira

5º Dariusz Wolski - Sweeney Todd: O Barbeiro Demoníaco da Rua Fleet

Roger Deakins é sem dúvida um dos homens mais competentes do cinema quando se trata de Fotografia. Cada detalhe de iluminação é devidamente trabalhado por ele. Em todos os seus filmes podemos pausar em algumas cenas e ter a idéia de estar vendo um cartão postal.

Melhor Edição

Lee Smith - O Cavaleiro das Trevas

2º Ethan & Joel Coen - Onde os Fracos Não Têm Vez

3º Jay Cassidy - Na Natureza Selvagem

4º Tom Swartwout - Antes Que o Diabo Saiba Que Você Está Morto

5º Hughes Winborne - Sete Vidas

O Cavaleiro das Trevas é um filme frenético, acelerado, e com isso precisa-se de um Editor com talento e é justamente isso que o Lee Smith é. O trabalho de qualidade dele deixou o filme bem mais eletrizante. Os cortes, passagens, enfim, toda a construção das cenas elevou o filme a um outro patamar.

Melhores Efeitos Visuais

Hellboy II: O Exército Dourado

2º Homem de Ferro

3º A Múmia: Tumba do Imperador Dragão

4º As Crônicas de Nárnia - Príncipe Caspian

5º Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal

A qualidade técnica de Hellboy é algo impressionante. Em várias cenas realmente fica uma imensa dúvida entre que é real e o que é computação gráfica. Todos os detalhes desde a elaboração até a renderização são muito bem calculados.


Melhor Sonoplastia

Onde os Fracos Não Têm Vez

2º O Cavaleiro das Trevas

3º O Incrível Hulk

4º Homem de Ferro

5º Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal

Cada porta que se abre, cada tiro disparado é uma tremida na sua poltrona do cinema. A falta de trilha sonora no filme permitiu uma melhor percepção de toda a qualidade da mixagem e da edição de som. Poucas vezes no cinema fiquei tão fascinado com o som de vidro quebrando.


Melhor Maquiagem

Hellboy II: O Exército Dourado

2º O Cavaleiro das Trevas

3º As Crônicas de Nárnia - Príncipe Caspian

4º Sweeney Todd - O Barbeiro Demoníaco da Rua Fleet

5º Trovão Tropical

Mais um exemplo da qualidade técnica de Hellboy. Na verdade, tudo que tem a mão do Guillermo del Toro tende a ser um deslumbre visual. Todas as criaturas que surgem na tela são simplesmente perfeitas.

Melhor Produção Artística


Sweeney Todd - O Barbeiro Demoníaco da Rua Fleet

2º Desejo e Reparação

3º As Crônicas de Nárnia - Príncipe Caspian

4º Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal

5º O Cavaleiro das Trevas

Sweeney Todd tem um ambiente incrivelmente bem criado e que favorece exatamente todo o enredo do filme. Os aspectos do filme, sejam reais ou ilusórios dos personagens, são empolgantes.

Melhor Canção

"Down to Earth" - Wall-E

2º "Guaranteed" - Na Natureza Selvagem

3º "Another Way to Die" - 007 - Quantum of Solace

4º "The Call" - As Crônicas de Nárnia - Príncipe Caspian

5º "The Travelling Song" - Madagascar 2

Apesar de seguir a estranha tendência de tocar nos créditos finais, quando todo mundo já tá deixando a sala, "Down to Earth" tem um sentimento perfeito do que o filme quer transmitir. Me peguei ficando na sala até o fim da música.

Melhor Trilha Sonora

Dario Marianelli - Desejo e Reparação

2º Thomas Newman - Wall-E

3º James Newton Howard - Fim dos Tempos

4º John Williams - Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal

5º Alberto Iglesias - O Caçador de Pipas

Sem dúvida uma das trilhas mais inovadoras e bem compostas dos últimos anos. Quase se assiste Desejo e Reparação, a trilha é tão perfeitamente encaixada, que parece fazer parte da história em si e não ser uma série de músicas compostas e introduzidas posteriormente.

CATEGORIAS PRINCIPAIS

Melhor Filme de Animação

Wall-E

2º Kung Fu Panda

3º Madagascar 2

Mais um demonstração de que quando o assunto é animação, a Pixar é imbatível. Uma história cativante, inteligente e apesar de tudo, verdadeira.

Melhor Ator Coajuvante

Heath Ledger - O Cavaleiro das Trevas

2º Javier Bardem - Onde os Fracos Não Têm Vez

3º Robert Downey Jr. - Trovão Tropical

4º Benicio Del Toro - Coisas Que Perdemos Pelo Caminho

5º Tom Cruise - Trovão Tropical

Esse era um prêmio praticamente inevitável. Não devido a morte do Heath Ledger, mas porquê o mesmo conseguiu reproduzir um dos personagens mais complexos do cinema, de forma única. O sadismo por trás de todas as palavras, as atitudes e pensamentos doentios só poderiam ter sido representados por um ator de qualidade. Não era fácil igualar-se ao Jack Nicholson na primeira interpretação do Coringa. Mas Heath Ledger conseguiu mais, foi melhor!!

Melhor Atriz Coadjuvante

Marcia Gay Harden - O Nevoeiro

2º Rosario Dawson - Sete Vidas

3º Penelope Cruz - Vicky Cristina Barcelona

4º Vanessa Redgrave - Desejo e Reparação

5º Alice Braga - Ensaio Sobre a Cegueira

Uma fanática religiosa presa em um supermercado devido a uma névoa. Junto dela, pessoas descrentes que segundo a mesma, precisam ser convertidas. Marcia Gay Harden já provou várias vezes que é uma das atrizes mais competentes de Hollywood, inclusive dando o melhor de si em um filme pequeno e que não foi tão bem recebido pela crítica.

Melhor Ator

Daniel Day Lewis - Sangue Negro

2º Will Smith - Sete Vidas

3º Philip Seymour Hoffman - Antes Que o Diabo Saiba Que Você Está Morto

4º Johnny Depp - Sweeney Todd - O Barbeiro Demoníaco da Rua Fleet

5º Mark Rufallo - Ensaio Sobre a Cegueira

Não há muito o que se falar aqui, mas sim o que se admirar. Daniel Day Lewis conseguiu a melhor atuação do ano e de certa forma percebe-se que não foi um desafio tão grande pra ele, pela naturalidade da incorporação.

Melhor Atriz

Naomi Watts - Violência Gratuita

2º Julie Christie - Longe Dela

3º Halle Berry - Coisas Que Perdemos Pelo Caminho

4º Helena Bonham Carter - Sweeney Todd - O Barbeiro Demoníaco da Rua Fleet

5º Frances McDormand - Queime Depois de Ler

Naomi Watts não só atuou como também produziu o filme. Creio que muitos não tiveram a oportunidade de ver a película, mas ela deu todo seu coração nesse projeto. A maneira como a personagem vai evoluindo foi um mérito da atriz. Uma cena de dez minutos, sem cortes, com a personagem em uma situação aterrorizante, exigiu muito dela.

Melhor Elenco

Queime Depois de Ler

2º Desejo e Reparação

3º Onde Os Fracos Não Têm Vez

4º Ensaio Sobre a Cegueira

5º Vicky Cristina Barcelona

A sintonia nesse elenco é algo perceptível desde a primeira cena. A forma como interagem e se relacionam em cena é impressionante. George Clooney, Frances McDormand, Brad Pitt, John Malkovich, Tilda Swinton, Richard Jenkins e outros, integram esse brilhante elenco.

Melhor Roteiro Original

Andrew Stanton - Wall-E

2º Ethan & Joel Coen - Queime Depois de Ler

3º Kelly Masterson - Antes Que o Diabo Saiba Que Você Está Morto

4º Grant Nieporte - Sete Vidas

5º Woody Allen - Vicky Cristina Barcelona

A história do envolvimento e da paixão entre dois robôs de gerações diferentes poderia ficar bem piegas e forçada, mas não nas mãos do Andrew Stanton.

Melhor Roteiro Adaptado

Paul Thomas Anderson - Sangue Negro

2º Sean Penn - Na Natureza Selvagem

3º Jonathan Nolan - O Cavaleiro das Trevas

4º Christopher Hampton - Desejo e Reparação

5º William Monahan - Ensaio Sobre a Cegueira

Paul Thomas Anderson dirigiu e escreveu Sangue Negro. Apesar de não ter lido o livro, a qualidade da adaptação é bem notável. A história é envolvente e o interesse pela trama só aumenta com o seu decorrer. Sendo finalizado de forma apoteótica.

Melhor Diretor

Christopher Nolan - O Cavaleiro das Trevas

2º Paul Thomas Anderson - Sangue Negro

3º Michael Haneke - Violência Gratuita

4º Sidney Lumet - Antes Que o Diabo Saiba Que Você Está Morto

5º Jaume Balagueró e Paco Plaza - [REC]

Christopher Nolan tinha um grande desafio nas mãos. Superar a boa direção em Batman Begins, e ele conseguiu isso muito bem, transformando O Cavaleiro das Trevas na melhor adaptação de uma HQ, já feita no cinema. O ritmo do filme, que pode parecer por várias vezes, confuso, foi guiado com maestria por ele. Um filme maduro, ousado e muito bem liderado.

Melhor Filme

E o PDC vai para...

Wall-E

2º O Cavaleiro das Trevas

3º Desejo e Reparação

4º Sangue Negro

5º Antes Que o Diabo Saiba Que Você Está Morto

Bem, depois dos prêmios de melhor animação e melhor roteiro original percebi que Wall-E tinha sido o melhor filme do ano, pra mim. Como eu tinha falado para o Rodrigo, não adianta a gente ficar analisando vários aspectos para tentar premiar um filme. O critério principal é que ele seja arrebatador. E foi assim que me senti com Wall-E. Revisando alguns comentários, o roteiro poderia ser bem piegas e beirar o ridículo, afinal, trata do amor entre dois robôs. Mas esse amor é tratado de forma tão singela que se torna cativante. Um relação sem preconceitos, como não vemos com os seres humanos; Eva é um robô de última geração e Wall-E um modelo ultrapassado. O filme é tão sensacional, que nos conquistou apenas com os robôs falando seus próprios nomes.

E assim terminamos a primeira etapa do Prêmio Diário dos Cinéfilos. Dia 17/01 é o dia do meu parceiro, Rodrigo, divulgar os seus vencedores. Então espero contar com a presença de todos aqui e durante todo o ano com várias outras matérias, notícias e críticas da nossa arte mais adorada: o Cinema.

Um grande abraço a todos e um excelente 2009. Repleto de bons filmes! \o

Links to this post:

Criar um link

<< Home