09 janeiro, 2008

DGA

O DGA (Directors Guild of America), o famoso sindicato dos diretores, é conhecido como o maior precursor do Oscar nessa categoria. Nos últimos anos, os vencedores do DGA costumam vencer o Oscar também. Os indicados da 60ª edição foram anunciados hoje de manhã por Michael Apted e os vencedores serão anunciados no dia 26 de Janeiro. Nos dois ultimos anos os indicados foram:

2007

Bill Condon - Dreamgirls
Jonathan Dayton e Valerie Faris - Pequena Miss Sunshine
Stephen Frears - A Rainha
Alejandro González Iñárritu - Babel
Martin Scorsese - Os Infiltrados

2006

George Clooney - Boa Noite e Boa Sorte
Paul Haggis - Crash
Ang Lee - Brokeback Mountain
Bennett Miller - Capote
Steven Spielberg - Munique

Agora os indicados desse ano:


Joel Coen e Ethan Coen - Onde os Fracos não Têm Vez

Os irmãos Coen garantem sua participação (e provável vitória) no Oscar.


Paul Thomas Anderson - Sangue Negro

Muitos estão dizendo que Sangue Negro é a nova obra prima do século e eu não duvido muito. A presença dele fortalece o filme e faz com que seja o concorrente direto dos irmãos Coen.

Julian Schnabel - O Escafandro e a Borboleta

A direção do filme vem se intensificando cada vez mais e a história do filme me parece ser uma das melhores histórias do ano. Dizem que o ponto alto do filme é justamente sua direção e sua presença no DGA não foi uma surpresa.

Sean Penn - Na Natureza Selvagem

Digo que desde que os boatos começaram a rondar o filme, nunca fui muito adepto à eles. Acreditei que o filme não seria indicado a nada além de suas atuações. Parece que fui de cara no chão, muitos dizem que o filme é de tamanha sensibilidade que Sean Penn é a pessoa que merece os créditos. Depois da presença aqui, dificilmente o veremos fora do Oscar.

Tony Gilroy - Conduta de Risco

Tony Gilroy ficou conhecido pelos roteiros da Trilogia Bourne e apareceu com um projeto de direção. Parecia impossível vê-lo em busca de uma indicação do Oscar, mas aqui está. Conferi o filme, e sua presença aqui não é apenas uma simples indicação. Sua direção é magnífica para um iniciante e deixa o filme melhor ainda. Aqui, muitas pessoas sugeriam que o lugar deveria ser de outros como por exemplo o Joe Wright (que talvez entre em depressão com a quantidade de esnobadas que ele levou), o Ridley Scott e o Tim Burton, mas até agora, parece que teremos uma briga ardua até o Oscar.

Postado por Rodrigo Mathias

Links to this post:

Criar um link

<< Home